terça-feira, 30 de junho de 2015

Câmara Municipal de Belo Horizonte-MG abre concurso público

Foi lançado o edital do concurso da Câmara Municipal de Belo Horizonte, em Minas Gerais, para admissão de servidores em 62 postos do quadro de pessoal do órgão. As oportunidades são para candidatos com formação em nível médio ou superior de escolaridade e edital reserva, ainda, 4 vagas do total para as pessoas com deficiência.

Para aqueles que possuem formação em nível superior, as vagas são para os cargos de Consultor Legislativo, Coordenador do Processo Legislativo, Engenheiro Civil, Procurador, Psicólogo e Redator.

Já os candidatos que são formados no ensino médio completo ou técnico podem tentar vagas de Técnico de Enfermagem, Técnico de Segurança do Trabalho e Técnico Legislativo II. 

Os aprovados e empossados recebem salários iniciais que variam entre R$ 2.616,01 e R$ 6.446,04. Além disso, a Câmara concede benefícios, como auxílio-alimentação no valor de R$ 25,00 por dia útil efetivamente trabalhado e plano de saúde.

Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) abre 80 vagas; concurso é pela Esaf

O Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) divulgou edital de concurso público para 80 vagas de analista de planejamento e orçamento. O salário é de R$ 15.003,70. A Escola de Administração Fazendária (Esaf) é a empresa responsável pela seleção.

No site da "Diário Oficial da União" é possível ver o edital.
Do total das oportunidades, 4 são reservadas para pessoas com deficiência e 16 para pretos e pardos. As vagas são para atuar em Brasília.

Para concorrer, os candidatos devem ter diploma de curso superior concluído em qualquer área, em nível de graduação, devidamente registrado no Ministério da Educação.

segunda-feira, 29 de junho de 2015

INSS é autorizado a realizar concurso para 950 vagas

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) foi autorizado a realizar um novo concurso para um total de 950 vagas. A autorização foi dada pelo Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão (MPOG) por meio da portaria nº 251 publicada no "Diário Oficial da União" desta segunda-feira (29).

quarta-feira, 24 de junho de 2015

Ministério do Planejamento (MP) - Planejamento autoriza 286 vagas para ANS, Anac e ANP

O ano de 2015, finalmente, começou a deslanchar na área de concursos. Nesta quarta-feira, dia 24, o Ministério do Planejamento autorizou as seleções de três agências reguladoras, totalizando 286 vagas. Receberam o aval a Agência Nacional de Saúde (ANS), com 102 vagas, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), com 150, e a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), com 34. As autarquias têm até seis meses para publicar os editais.
 
Para a ANS, o pedido foi autorizado em totalidade, havendo 36 vagas de técnico em regulação de saúde suplementar e 66 de técnico administrativo, ambos de nível médio. A Anac, por sua vez, teve o aval para preencher 15 vagas de técnico administrativo e 45 de técnico em regulação de aviação civil, para quem tem o 2º grau, além de 25 de analista administrativo e 65 de especialista em regulação de aviação civil, no 3º grau. Já a ANP recebeu o sinal verde para preencher 14 vagas de técnico em regulação de petróleo e derivados, álcool combustível e gás natural e 20 de técnico administrativo, ambos de nível médio.
 
O cargo de técnico administrativo em todas as agências reguladoras proporciona remuneração inicial de R$6.071,52, enquanto que para os técnicos em regulação o valor é de R$6.330,52. Já para a função de analista, o rendimento é de R$11.444,29 e para especialista, de R$12.347,29. Em todos os valores já está incluído o auxílio-alimentação de R$373. As autarquias contratam pelo regime estatutário, que garante a estabilidade empregatícia.  

FONTE: FOLHA DIRIGIDA

terça-feira, 16 de junho de 2015

Prefeitura Municipal de Belo Horizonte (PBH) - 350 vagas para Professor Municipal

Publicado nessa terça-feira 16/06 o edital da Prefeitura de Belo Horizonte para Área da Educação que oferece 350 vagas para o cargo de Professor Municipal das disciplinas de ARTES, CIÊNCIAS e BIOLOGIA, HISTÓRIA e LÍNGUA PORTUGUESA para o Ensino Fundamental e Médio.

As inscrições serão realizadas através do site www.gestaoconcurso.com.br, no período de 00h00 do dia 19 de agosto de 2015 até às 23h59 do dia 29 de setembro de 2015.

As Provas Objetiva de Múltipla Escolha e de Redação serão aplicadas na cidade de Belo Horizonte/MG, na data provável de 22/11/2015. O vencimento inicial para o concurso é de R$2.092,22 sendo 22h e 30min semanais. 

Para mais informações, acesse o edital 05/2015: http://goo.gl/jpXumB

Diretor Gustavo Campos e professores do Meritus dão entrevista ao jornal Estado de Minas

Com o medo do desemprego batendo à porta, as empresas diminuindo custos e reduzindo seus quadros, o velho sonho de estabilidade volta a povoar o imaginário do trabalhador: “Eu deveria ter feito um concurso”. É neste momento, em que a economia brasileira sofre uma retração, com 8 milhões de desempregados no país, que o velho e bom caminho rumo ao funcionalismo volta a ser visto como salvação por quem não quer mais noites de insônia. O impacto disso já aumenta o caixa dos cursinhos preparatórios, que registram 40% mais demanda por aulas desde o início do ano. Para acompanhar a alta na procura, alguns estabelecimentos chegaram a aumentar a grade de cursos e aprenderam a enxergar a crise como um bom negócio.


Embora o ano tenha começado com movimento fraco, especialmente em janeiro a retração da economia avançando a cada mês e o desemprego vitimizando muitas famílias fez com que março virasse mesa para os cursinhos. Além da divulgação de editais – como o do condurso do Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região, que oferece salários de R$ 5.425,79 a R$ 10.485, 62 –, a insegurança em relação a empregos em empresas privadas contribuiu para a corrida às salas de aula. “Quando há um cenário econômico desfavorável, um momento de recessão, a estabilidade profissional chama o aluno. Sempre que há um aumento no desemprego a demanda por cursos para concursos aumenta”, afirma o diretor-geral do Meritus, Gustavo Nascimento Campos.


Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) - Saiu edital do concurso com oferta de 556 vagas. Inscrições abertas!

Foi publicado no Diário Oficial da última terça-feira, 16, o edital do concurso do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG), que visa a preencher 556 vagas. As remunerações iniciais variam entre R$3.998,42 e R$5.969,31, já inclusos os R$373 de auxílio-alimentação. As cargas horárias são de 20 ou 40 horas semanais, a depender do cargo. A validade do concurso é de dois anos, podendo dobrar.
As inscrições estão abertas no site do Cespe/UnB, organizador, com atendimento aos interessados até o dia 6 de julho. As taxas são de R$100 (para as carreiras de arquiteto, engenheiro, geólogo e economista) e de R$90 (para as demais funções). Membros de família de baixa renda inscritos no CadÚnico do Governo Federal podem solicitar isenção seguindo as instruções do item 7.4.8 (e subitens) do edital.